Cineclube Cultura Junho 2016

Cineclube Cultura

junho 2016

A última sessão de cinema

Em março deste ano, completei 32 anos de Secretaria de Cultura. Me sinto orgulhoso e privilegiado por ter participado desta grande aventura, desde o seu começo. Naquela época, éramos uma turma de jovens idealistas, cheios de folêgo e esperança, dando duro pra Secretaria dar os seus primeiros passos. Hoje, continuo idealista, com menos folêgo, com a esperança um pouco abalada, mas ainda torcendo pela Cultura. E é assim que encerro o meu ciclo de trabalho na Secretaria, ou seja, me aposento. No dia 12 de junho, domingo, realizo a minha última sessão do Cineclube Cultura. Este projeto, pelo qual tenho um grande carinho, teve sempre a missão de difundir a cultura cinematográfica de diferentes origens, contemplando filmes que usualmente não se encontram no circuito comercial. O cinema fala a língua do mundo, dada a multiplicidade de experiências retratadas. Para esta última mostra, fiz uma escolha estritamente pessoal, selecionando filmes de cinematografias distintas, que fazem parte da minha memória afetiva. O título deste ciclo é uma brincadeira, uma referência ao título do filme “The last picture show”- A última sessão de cinema (1971), de Peter Bogdanovich, já exibido no Cineclube há alguns anos.

Obrigado a todos que prestigiaram este Projeto durante todos estes anos.

Obrigado a todos vocês pela consideração e amizade!

Até um dia!

Paulo Torres

Programação

Dia 04 – sábado

O cheiro do papaia verde (Mùi du du xanh, França, Vietnã, 1993)

Direção de Tran Anh Hung

Com Tran Nu Yên-Khê, Man San Lu, Thi Loc Truong

O filme é um belo retrato da vida vietnamita nos últimos 30 anos.

A protagonista é uma garota que vai trabalhar como empregada doméstica e acaba se envolvendo nos problemas da família. Cor, 1h 44min.

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=xxuWJ1y1Tww

Dia 05 – domingo

Uma lição de tango (The tango lesson, Reino Unido, França, Argentina, Alemanha, Holanda, 1997)

Direção de Sally Potter

Com Sally Potter, Pablo Verón, Morgane Maugran

O filme conta a história de Sally, uma cineasta que está insatisfeita com seu mais recente roteiro e se depara com um dançarino de tango argentino. Ela coloca-se sob a tutela de Pablo e, juntos, começam a explorar suas conexões espirituais e artísticas. Logo fica claro que cada um quer coisas muito diferentes um do outro. P/b, cor, 1h 40min.

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=yfn5_sz_B8M

Dia 11 – sábado

Próxima parada: bairro boêmio (Next stop, Greenwich Village, EUA, 1976)

Direção de Paul Mazursky

Com Lenny Baker, Shelley Winters, Ellen Greene, Lois Smith

Em Nova Iorque, um aspirante a ator sai da casa dos pais, no Brooklyn, para tentar a vida no bairro boêmio de Greenwich Village. O ano é 1953, e o Village está em ebulição. É o lugar para todos os pintores, poetas, cantores e atores que buscam uma chance. Cor, 1h 51min.

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=o4M_p77j1tQ

Dia 12 – domingo

French Cancan (França, 1954)

Direção de Jean Renoir

Com Jean Gabin, Françoise Arnoul, Maria Félix

Jean Renoir narra a história de um café parisiense em decadência. Para salvá-lo, a bailarina Lola e seu amante Henri decidem popularizar o cancan no bairro boêmio de Montmartre. Ele pede a ajuda de Nina, uma lavadeira com habilidades inatas para a dança.

Cor, 1h 42min.

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=qQ3UvYy872g

Horário: 20 horas

Local: Sala Roberto Rezende – Oficina Cultural

Pça. Clarimundo Carneiro, 204 – Bairro Fundinho

Entrada Franca

Esse post foi publicado em Eventos, Pedidos de divulgação. Bookmark o link permanente.